Análise: Junior Cigano vence Frank Mir no UFC 146.

O campeão Junior Cigano dos Santos defendeu pela primeira vez o cinturão dos pesos-pesados do UFC na noite do dia 26 de maio de 2012 contra o americano Frank Mir.

O brasileiro manteve claramente a estratégia de manter o jogo em pé e começou escapando bem dos ataques do americano que tentou logo no início do primeiro round pô-lo ao chão.

Cigano defendeu bem a tentativa de single-leg do adversário e ainda o ironizou, fazendo o sinal de ‘não’ com os dedos. Mir passou a tentar trocar com o brasileiro, porém, não conseguiu bons resultados.

Junior com movimentação e posicionamento exemplar, encontrou a distância deferindo golpes que minaram o adversário em sequência, fazendo com que o mesmo entrasse no seu gameplan, trabalhando bons jebs e ataques na linha de cintura, com uma boa esquiva aos contragolpes.

Baixe grátis o aplicativo do MMA Space para iPhone ou Android

Faltando por volta de 15 segundos para o fim do round, Cigano encaixou um direto que bambeou Frank e foi para cima com uma ótima sequencia de golpes, massacrando o americano que foi salvo pela sirene e teve tempo de se recuperar para o round em seguida.

No segundo assalto, o domínio de ‘Dos Santos’ prosseguiu. Trabalhando muito bem a distância, acertou um golpe que desequilibrou Frank Mir, que já ficou armado para trabalhar um possível jogo de solo, mas Cigano ignorou e o árbitro recomeçou a luta em pé.

Em diante, não teve jeito, Mir tentou impor-se ofensivamente com socos e chutes, mas o brasileiro, muito superior no quesito, não deixou barato e ao descer a guarda em um chute de Mir, acertou um soco de encontro, fazendo-o ir ao chão. Evitando cair no jogo de solo do adversário, distanciou-se e efetivou o golpe que liquidou a fatura, com o gringo já praticamente desnorteado no chão, o árbitro interviu.

Junior Cigano venceu por nocaute técnico e aguarda agora o anúncio de seu próximo combate, objetivando novas alegrias aos brasileiros.

  • http://Site Igor reis

    Luta espetacular, Cigano mostrou muita competência, pelo que eu vejo o único adversário que apresenta perigo ao ele e o Cain Velaquez. Só o ruim e a GLOBO mesmo que atrapalhou muito para ver as lutas, agora só comprando o canal, só mostram o card principal e também com péssimos comentaristas, mas o esporte está muito bom, vamos lá BRASIL, quero e o Anderson agora acabar com o Chanel Sonnen KKKKKKKKKKK.
    Parabéns ae MMA SPACE de ótima qualidade o site,

  • http://Site charles magno carvalho santos

    Meu caro Yann, eu não falei mal do Junior Cigano, pelo contrário, sou fã dele dentro e principalmente fora do octógono. Agora, isso significa que eu não possa criticá-lo? Se tem algo que aprendi nesse mundo sobre comportamento, é que só as pessoas que se importam de verdade, têm capacidade e coragem para elogiar e, se necessário, criticar. Meu comentário anterior foi feito em cima do vídeo da pesagem entre Cain e Pesão, talvez isso o tenha confundido, visto que o mesmo não aparece aqui. De qualquer forma repito: Cigano tem que aprender a se defender de chutes baixos senão todo esse trabalho estará correndo risco, luto Muay Thai e sei o que é um golpe violento na perna da frente, no caso do Cigano à esquerda. Quanto ao Dória, sem dúvidas é um grande treinador de BOXE, mas não custa nada agregar ao treino do seu atleta um bom mestre de Muay Thai, por exemplo OLÍMPIO aqui de bh. Nós , fãs de verdade desse extraordinário atleta, agradecemos,Abraço.

  • charles magno carvalho santos

    Por favor não confundam moderação com CENSURA, sou praticante de MMA e fã desse esporte, respeito os atletas a ponto de critica-los sempre de forma construtiva, visto que os “entendidos” do assunto nada mais dizem do que já foi visto. Uma vez que se afoga precisa-se de uma maneira de retirar-se da àgua, não descrevê-la.

  • http://Site charles magno carvalho santos

    É nessa hora que podemos ver onde está o coração de um competidor, se no objetivo ou no deslumbre. Se o Junior não aprender a usar sua CANELA, de preferência a esquerda, para bloquear os chutes baixos do adversário, na próxima luta contra o Cain ele poderá ficar de vez sem o joelho. No primeiro combate entre os dois o Cigano saiu direto para a mesa de cirurgia, pois levou mais de oito golpes em menos de um minuto sem defender nenhum, dava uns “pulinhos’ para trás que só ajudou a romper seus ligamentos. Ontem na vitória contra o Frank Mir deixou claro que ainda não se tocou que está praticando MMA e não BOXE, visto que continua sem saber como se defender dos chutes baixos. Eu realmente não consigo entender o que impede os treinadores de perceberem o ponto fraco de seus atletas até ser tarde demais. Um adversário que bater de forma violenta em suas pernas poderá vence-lo, e aí meu caro…Tchau cinturão e joelho.

    • http://www.facebook.com/yannlee2 yann

      Rapaz, você não sabe do que ta falando, até parece que você não sabe quem é o treinador de JR Cigano, Dorian é um dos melhores treinadores de boxe e MMA, Juior Cigano se defendeu muito bem e conseguiu o nocaute, amadores feito você que tende a falar mal e a criticar um lutador brasileiro, só me envergonham.

      Parabéns MMA Space pela bela analise.

    • http://www.mmaspace.net Oliveira

      Concordo com o amigo acima o cigano e um grande lutador mais se pegar 1 lutador que tem um bom muay thai ou um bom kickboxer, ele terá muita dificuldade em reverter a situação, exemplo quando ele enfrentar o Ovreem que tem um muay thai afiado. Acorda cigano…

  • marcos

    o jr cigano mereceu a vitoria,com toda certeza ia da brasil