Análise: UFC 140 – Machida vs. Jones

Machida caído após guilhotina

Brasileiro é atendido após ser finalizado.

PRIMEIRO ROUND

Jon Jones começa a luta agachado, em uma tentativa de desestabilizar psicologicamente e distrair o adversário, avança por baixo, mas Lyoto Machida mantém seu jogo e base com o pé direito a frente até o americano se posicionar.

Ambos começam a se estudar e Jones defere seu primeiro golpe, um down-kick, dando continuidade a uma tentativa de chute frontal, variante do muay thai, tentando obter vantagem por sua altura em um salto.

A torcida canadense, assim como na pesagem oficial, fica aos gritos de “Machida”, apoiando o brasileiro e vaiando Jones.

Jon tenta acertar um direto e posteriormente um cruzado. Machida vai se movimentando muito bem, se esquivando de todos os golpes. O americano até então toma mais iniciativa tentando também um chute circular frustrado.

Lyoto começa a trabalhar o down-kick, confiante por, até então, bloquear as iniciativas do americano que ainda busca acertar chutes frontais, sabendo que a trocação é o forte de Lyoto, que evitaria o levar para o chão.

Posteriormente, Lyoto explode um soco muito forte e desequilibra na defesa de Jones, mas demonstra seu posicionamento sobre a luta, que estava pouco conclusiva até então, onde o brasileiro começa a deferir golpes mais contundentes acertando um belo soco de esquerda e tento uma atitude de ataque mais convincente do que a do americano.

Ambos são atletas de grande movimentação e Lyoto acerta mais seqüências equilibrando chutes e socos, que acertam o JJ.

Jones é perigosíssimo e aproveita a guarda baixa e tenta entrar com dois golpes, mas Lyoto entra com explosão e quase derruba o americano com uma sequencia incrível de socos.

Jones tenta em vão deferir golpes e Lyoto termina o round vencendo por 10×9.

 

SEGUNDO ROUND

O round começa com Machida tentando chutes e Jones encurta a distância dominando o centro do octógono, tentando down kicks e Machida tenta impor a mesma estratégia. Vê-se um americano mais agressivo tentando encaixar fundamentos típicos do Muay Thai utilizando mais os membros inferiores e Lyoto mais resguardado, trocando menos.

O brasileiro trabalha com a guarda muito baixa e em um bom momento encaixa boa seqüência de golpes, mais insuficientes para diminuir Jones que tenta utilizar os cotovelos, acerta um soco e utiliza seu tradicional wrestling, derrubando o carateca e deferindo golpes com o ante-braço,  levando o adversário ao clich devido seus esforços para sair e a luta é temporariamente interrompida por conta do sangramento no supercílio do brasileiro devido a uma potente cotovelada recebida quando este estava ao chão.

Os atletas recomeçam sobre a grade e Jones passa a dominar claramente a luta e mantém sua base e seu caráter ofensivo com suas joelhadas. Machida tenta atacar e é acertado pelo americano que encaixa boa seqüência e o prende na grade encaixando uma guilhotina com facilidade, levando em conta à desestrutura do adversário que sem defesas apaga e cai desmaiado, fazendo com que a luta se encerre e o americano mantenha seu cinturão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *