Junior Cigano admite falta de estratégia contra Velasquez

(Photo by Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images)

As duas batalhas contra Cain Velasquez podem ter confirmado que, pelo menos no momento, o americano detém vantagem em relação a Junior Cigano dentro do octógono. No entanto, os resultados adversos não alteraram o principal objetivo do paranaense para os próximos anos: retomar o cinturão do UFC. Sem pressa para alcançar novamente o topo da divisão, Cigano analisou seu último encontro com Velasquez, garantindo ter aprendido uma importante lição sobre a necessidade de uma sólida estratégia no transcorrer dos combates, segundo informações do MMA Fighting.

“Você não sabe como a divisão será no futuro. Meu objetivo era, e ainda é, me tornar o número 1 novamente. Vou fazer o meu melhor para que isso aconteça o mais breve possível. Estou tirando um tempo para relaxar e cuidar da minha vida. Gosto de ser quem eu sou e fazer o que eu faço, e eu tenho certeza de que eu vou estar de volta para mostrar o meu trabalho muito em breve. Eu não escolho adversários, e eu vou lutar contra quem o UFC quiser”.

“Eu cometi alguns erros novamente contra Cain. Minha estratégia era trocar, porque eu acreditava que eu teria uma vantagem com isso. Mas meu adversário soube bloquear o meu jogo em pé e fazer o que ele faz melhor. Após cada luta estou ficando cada vez mais experiente. A coisa mais importante que aprendi nessa luta é sobre estratégia, e eu acredito que ele foi melhor preparado do que eu”.

por Redação MMA Space / Rodrigo Peixoto.
(Photo by Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images)