UFC Japão: Análise Struve x Mark Hunt

Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Fala galera casca-grossa! Mais uma análise saindo do forno para ajudar você na hora de montar sua estratégia lá no Versus MMA. Esse UFC Japão tem tantas estrelas que ficou até difícil escolher uma segunda luta para fazer a análise. Eu ia escolher Takanori Gomi vs Diego Sanchez, mas de última hora acabei optando pelo co-main event. A discrepancia de tamanho entre os lutadores me chamou a atenção. Será que a diferença de 36 cm será o diferencial no combate entre Struve vs Hunt? Na minha opinião o sangue no olho do samoano irá superar envergadura monstruosa do seu adversário.

Na análise que fiz da luta do Lyoto e na do Wand eu segui as probabilidades. Agora estou seguindo o instinto mesmo. Não que Mark Hunt seja uma mega zebra, longe disso, mas o Struve tem uma clara vantagem. Para começar, o cartel recente do holândes é muito mais sólido, ele é muito mais jovem (Struve tem 25 anos e Hunt já tem 38), o seu arsenal tem um jogo de finalizações mais variado e isso para não falar dos 2,13cm contra 1,77 do oponente. Agora o leitor pergunta “Como você pode escolher Hunt sabendo disso tudo?”, a resposta é simples: Queixo, Punch e Coração.

Mark Hunt não é um striker tão bom quanto Peter Aerts, seu jogo de quedas é regular e todos sabem que ele não é nenhum especialista em jiu-jitsu, mas o seu coração é de leão, seu punch é brutal e o queixo é de adamantium. Existe uma frase famosa no MMA que é mais ou menos assim “Quando um faixa-preta toma um soco bem dado, vira faixa-branca automaticamente”. Essa regra  se aplica para Struve, não para Hunt.

Baixe grátis o aplicativo do MMA Space para iPhone ou Android

O holândes pode dar vários socos na face do samoano e esse dificilmente cairá nocauteado, mas se Mark Hunt acertar um golpe “limpo” na cara do Struve, tenho quase certeza que ele entrega o ouro. Para falar a verdade o soco nem precisa ser “limpo”, basta assistir como o Holândes desmontou ao ser golpeado pelo Cigano no UFC 95, mesmo com a guarda fechadinha.

Apesar de ter 2,13 cm de altura, Stefan Struve ainda não usa sua envergadura com inteligência. Não é o tipo de lutador que entra para marcar ponto, ele entra para definir. Nas últimas 6 vitórias que obteve, 4 foram por KO/TKO e nenhuma por decisão, isso mostra que dificilmente ele vai querer amarrar a luta contra Hunt. Vale lembrar que o jogo de entra-e-sai não é o seu preferido, muitas vezes o holândes simplesmente parte para  trocação franca. Uma coisa é fazer isso contra Paul Buntello, outra coisa é querer brincar de “quem cai primeiro” contra Mark Hunt.

Minha escolha no Versus MMA é a seguinte: Mark Hunt, RD1, KO e todas as estrelas em trocação. Vejo Struve subestimando a mão e o queixo do samonano ao tentar trocar francamente. Vocês podem até dúvidar da possibilidade de KO por causa da diferença de altura, mas basta lembrar que tanto Cheick Congo quanto Ben Rothwell tinham 1,93 de altura e os dois perderam para Hunt (sendo Congo nocauteado). É fato que o Holândes pode complicar a vida do seu adversário se jogar para pontuar, mas esse não é o estilo dele. Vamos ver se o Japão vai dar um força extra para estrela do Pride. Até a próxima jogadores do Versus MMA.

por Ernani Rocha
Esse artigo reflete única e exclusivamente as opiniões do autor.
Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Image