Volkan Oezdemir afirma: “É uma honra lutar com Cormier”

Foto: Getty Images

O suiço Volkan Oezdemir terá uma ‘chance de ouro’ no próximo sábado (20), onde enfrentará o norte americano campeão dos pesos meio-pesados Daniel “DC” Cormier, no co-main event do UFC 220, que será realizado na TD Garden Arena em Boston, Massachusetts, nos Estados Unidos.

Após uma briga em um bar em Fort Lauderdale, o gigante europeu conseguiu ‘uma folga’ para focar-se apenas em seu duelo pelo cinturão da maior organização de MMA do planeta, já que o seu julgamento será no mês seguinte (fevereiro), o que deve, com toda certeza do mundo, ter dado ‘aquela acalmada’ nos ânimos do atleta.

Em entrevista ao Combate.com, o desafiante rasgou elogios ao detentor do cinturão, afirmando que a honra em poder enfrentá-lo, e que ele é sim, o campeão de fato (em alusão aos problemas extra-octógono de Jon Jones) e também disse, que agora é a sua vez, é a ‘sua hora’.

“Acho que Cormier é um dos melhores lutadores peso-por-peso e também dessa divisão. É uma grande honra lutar contra ele, mas é minha hora agora, a divisão merece sangue novo e estou aqui para mostrar isso (…). Estou me sentindo muito bem, é uma benção estar ali lutando pelo cinturão cedo assim na minha carreira, tem menos de um ano que estou aqui e já estou lutando pelo cinturão. É um prazer. Acho que o Cormier é o verdadeiro campeão. (Tirando o Jones), ele venceu todo o restante do meio-pesado. Claro que todo mundo está esperando pela volta do Jon Jones, eu também. Assim que me tornar campeão, quero que o meu legado seja completo. Tenho um novo estilo, tenho muita força e sou muito preciso quando solto meus golpes. Então vai ser uma luta muito interessante. A gente tem que capitalizar no erro, em tudo o que nós temos. Tenho o meu time inteiro ao redor analisando cada movimento e me ajudando a me preparar para essa luta”, declarou.

Por Dario Ferrari

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *